O Comitê de Bacia Hidrográfica do Alto Tietê publica recomendações ao poder público e à sociedade civil em função da escassez hídrica

A Moção CBH-AT n.º 5, de 5 de fevereiro de 2014, recomenda ações aos poderes públicos e à sociedade civil, no âmbito do Estado de São Paulo, em razão da atual escassez hídrica extrema.

Tendo em vista o longo período de estiagem, os baixos níveis dos reservatórios do Sistema Cantareira e a eminente crise no abastecimento de água da região da Grande São Paulo, o Comitê de Bacia Hidrográfica do Alto Tietê elaborou recomendações à sociedade visando diminuir os impactos e acelerar a recuperação dos reservatórios.

Ao poder público, é designada a função de elaborar medidas efetivas de redução do consumo de água, com propostas de fiscalização e sanções em casos de desperdício. Às entidades de sociedade civil e à mídia cabe a divulgação das informações com o objetivo de buscar adesão massiva da sociedade em função da redução do consumo de água.

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
×

Tudo bem?

Clique no Profissional abaixo para conversar conosco.

×